Toscana

Por conta de sua forte unidade linguística e cultural, é uma das regiões italianas de identidade mais definida e também antiga. O nome é antigo e vem do nome usado por gregos e latinos para definir a terra habitada pelos etruscos: “Etruria” que depois virou “Tuscia” e, por fim, “Toscana”.

Ela fica na Itália central e é indiscutivelmente um dos destinos de viagem mais procurados do mundo. As paisagens típicas, o patrimônio artístico e as importantes cidades, em especial a capital Florença, tornam essa região um lugar único no mundo.

O literal não é tanto explorado nessa região, mas possui praias longas e arenosas ou até mesmo rochosas. As ilhas do arquipélago toscano são rodeadas pelo vegetação mediterrânea e o mar é límpido.

Os alpes Apuane possuem inúmeras áreas protegidas, entre eles a lagoa de Orbetello que recebe várias espécies de pássaros migratórios. No entanto, a paisagem mais característica é aquela da natureza que se mistura com o homem.

O golfo de Baratti e os sítios de Vetulonia e Pitigliano possuem necrópoles e testemunhos da civilização etrusca, enquanto Roselle e Cosa possuem ruínas da época romana.

E então existem as cidades medievais, ricas em histórias, castelos e sistemas de fortificação, igrejinhas rurais e abadias. Assim é o cenário de cidades como Val d’Orcia, Chianti e Maremma.

A região é universalmente conhecida por sua riqueza de monumentos e obras de arte, em especial nas cidades de Florença, Pisa,  Siena e Lucca, sendo que o renascimento evoluiu a partir da capital Firenze.

Por fim, ao contrário do que muitos brasileiros pensam, a Toscana não é uma cidade italiana, mas uma região (obrigada, novelas da Globo… NOT!).

Saiba o que visitar e o que provar nessa região →


Posts relacionados

Leia os posts relacionados à essa região →

Foto: Siena, Toscana (Reprodução)

Anúncios