O Êxtase de Santa Teresa

O Êxtase de Santa Teresa é uma magnífica obra de Gian Lorenzo Bernini, e esperemos que o MBL não a descubra, rs.

A escultura feita de mármore e bronze foi feita entre os anos de 1647 e 1652, e fica na igreja Santa Maria della Vittoria, na capela Cornaro.

Em 1647, durante o papado de Inocêncio X, a carreira de Bernini estava quase ofuscada quando o cardeal Federico Cornaro confiou a ele, nas suas qualidades de arquiteto e escultor, a realização da capela da família.

Bernini, fazendo a obra, buscou uma certa vingança profissional contra o pontífice, e realizou uma belíssima obra barroca. A escultura agradou demais Bernini, que a definiu como a melhor de suas realizações.

Dizem que a arte barroca tem um gosto pela teatralidade: uma representação espetacular e enfática dos eventos. Nessa obra, Bernini coloca toda sua experiência como organizador de espetáculos teatrais e transforma em senso literal o espaço da capela em um teatro.

Para tanto, ele amplia a profundidade do transepto. Depois, procura uma fonte de luz que venha de cima, como um refletor e que dá um senso realístico nos raios de luz de bronze.

Originalmente, o anjo segurava uma flecha reta (atualmente substituída por um dardo) que tinha raios na ponta para representar o fogo do “grande amor de Deus”, como a própria Santa Teresa disse em sua biografia.

A capela barroca, feita com mármore, em que fica a estátua funciona como um palco de teatro: a santa está levemente deitada em uma nuvem que a transporta ao céu.

Observe como o altar parece um palco (os membros da família Cornaro estão do lado)

A transformação da capela em teatro se torna literal quando dos dois lados do altar surgem “pequenos palcos” nos quais estão representados os membros, entre retratos e bustos, da família Cornaro.

Mas não é pela família que as pessoas param diante desse altar.

Bernini demonstrou nessa obra toda sua maestria de escultor, capaz de trabalhar no mármore como se fosse cera, com uma extrema atenção aos detalhes: as vestes da santa que caem de forma desordenada no corpo é uma obra de arte no sentido técnico, já que esse efeito no mármore pode parecer superficial.

O relato da santa é representado quase ao pé da letra por Bernini, com um corpo sem vida e abandonado, seu rosto doce com os olhos semi fechados voltados ao céu e os lábios que se abrem para emitir um gemido, enquanto um querubim de rosto divertido com um dardo em uma mão, símbolo do amor de Deus, afasta as roupas para atingi-la no coração.

A personificação do anjo é lisa e delicada, que faz pensar mais em um Eros da mitologia grega que uma entidade cristã, enquanto as roupas da santa estão desarrumadas. Um contraste interessante.

Essa obra de Bernini levanta muitas questões, especialmente pela beleza sensual e ambígua dos protagonistas, que já foi classificada por estudiosos como erotismo sacro.

Considerando o artista de calibre que Bernini foi e que obras de arte muitas vezes servem como críticas profundas que podem ser interpretadas de formas ambíguas dependendo do olhar, podemos esperar qualquer interpretação dessa obra.

Independente de tudo, é inegável que O Êxtase de Santa Teresa é uma verdadeira obra-prima, e daquelas com O maiúsculo!

Fotos: O Êxtase de Santa Teresa (Reprodução)

Anúncios

2 comentários sobre “O Êxtase de Santa Teresa

  1. Loanda disse:

    Olá Isabela, realmente linda e enigmática. Já fui apreciá-la pelo menos em três oportunidades.
    Sou do time que espera que o MBL nunca a descubra rs

    Curtir

    • Isabela disse:

      Olá, Loanda!
      Infelizmente, nunca consegui ir vê-la. MAS, sem dúvidas estará no roteiro em uma próxima visita ida a Roma!
      Abraços!

      Curtir

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s