Roberto Saviano

Roberto Saviano nasceu em Nápoles em 22 de setembro de 1979. Ficou mundialmente famoso após lançar seu romance de estreia Gomorra, no qual contou sobre a realidade da Camorra e do crime organizado na região da Campania.

Após Gomorra ser lançado, foi jurado de morte pelos membros da Camorra e desde 13 de outubro de 2006, vive sob proteção policial.

Atualmente, colabora para diversos jornais tanto italianos quanto internacionais: l’Espresso, La Repubblica, Washington Post, New York Times, Newsweek, TIME, El Pais, Die Zeit, Der Spiegel, Expressen, The Guardian e The Times.

Nascido em Nápoles, é filho de um médico, mas cresceu em Casal di Principe, na província de Caserta. Frequentou a faculdade de Filosofia na Università degli Studi Federico II em Nápoles. Começou a carreira jornalística em 2002, escrevendo para revistas.

Dois anos depois, mudou-se para Nápoles para observar mais de perto os fenômenos criminais da cidade e logo em 2005, alguns artigos seus voltados para o crime organizado da Camorra começaram a surgir.

Em 2006, publicou o romance inspirado em situações reais, Gomorra, e do qual também se extraiu o filme homônimo.

Em 2014, foi convidado para ser aluno bolsista durante um semestre na Universidade de Princeton para fazer um curso sobre as relações da máfia com a política e a imprensa. É nesse curso que acaba se envolvendo com a história do tráfico da cocaína, tema de seu livro em ZeroZeroZero.

Mas nem tudo são flores, já que Saviano foi acusado de plágio tanto em Gomorra quanto em ZeroZeroZero. Em 2013, o escritor e a editora Mondadori foram condenados por plágio de algumas páginas do livro Gomorra, que foram reproduções não autorizadas de dois artigos de jornais locais, o Cronache di Napoli e Corriere di Caserta.

Os dois tiveram que pagar um total de 60 mil euros pelas reproduções ilegais. Mas as denúncias de plágio não se limitaram ao seu romance mais famoso, foram também a artigos que ele publicou e seu outro romance ZeroZeroZero, tendo tirado trechos até mesmo do Wikipédia.

Em 2016, saiu seu terceiro romance, La Paranza dei Bambini. Esse é um romance totalmente fictício, mas bastante inspirado na realidade da Camorra dos anos de 2010. O livro foi adaptado para o teatro e também virará filme.

Nessa entrevista feita com Saviano em fevereiro de 2014, em decorrência do lançamento de Zero Zero Zero no Brasil, ele diz claramente ter se arrependido de arriscar sua vida para lançar Gomorra.


Gostei muito de Gomorra e estou bastante interessada em ler Zero Zero Zero. Gomorra foi um romance muito arriscado, mas que certamente abriu os olhos do mundo para todo o poder da máfia italiana.

Foto: Roberto Saviano (Reprodução)

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s