Sacra de São Miguel

A Sacra de São Miguel, também conhecida como Abadia de São Miguel, é um complexo religioso que fica no topo de uma montanha, conhecida como Monte Pirchiriano, em Val di Susa em Torino.

É considerado um dos monumentos símbolo da região de Piemonte e uma das arquiteturas religiosas mais importantes do território alpino, sendo local de peregrinagem entre a Itália e a França.

Foi totalmente reestruturado graças à ajuda de padres rosminianos.

Dizem que onde fica atualmente a abadia era, na época romana, um presídio militar, que controlava as ruas. Depois, os próprios longobardos teriam mantido o presídio por conta das invasões dos Francos.

Aparentemente, existem alguns vestígios dessa época na cidade Chiusa di San Michele.

O nascimento dessa abadia ainda é incerta. O registro mais antigo foi feito no século XI por um monge através de suas crônicas. Segundo esse diário, a data indicada de fundação do local é o século X.

A igreja atual é considerada a nova, que foi levantada sobre as construções mais antigas. Essa construção demorou muitos anos e o testemunho disso sã as próprias pilastras que são feitas em estilos diferentes, como românico e gótico.

Esse trabalho foi interrompido muitas vezes por conta de dificuldades na sua realização, por ser uma obra muito imponente.

Dizem também que o romance O Nome da Rosa de Umberto Eco, um dos mais famosos romances italianos, teria inspirado a ambientação nessa abadia beneditina. O filme de 1985 deveria ter sido rodado nela, mas os custos foram muito altos.

No dia 15 deste mês, Turim lançou oficialmente a candidatura da Sacra como patrimônio da Unesco.

De outubro a março, a Sacra funciona de terça a domingo, das 9:30 às 12:00, e das 14:30 às 17:00; de abril a setembro, ela fecha às 18:00. Ela é fechada às segundas. A última entrada é 30 minutos antes do fechamento.

O ingresso custa €8,00.

Para chegar até a Abadia, vindo de Turim, é preciso pegar um trem até Avigliana. Da estação até o local são cerca de 15 km. De maio a outubro do ano passado, existia um ônibus que custava €2,00 (ida e volta), e ligava a estação à Sacra. É necessário confirmar se ele ainda existe.

Mas deve valer bastante a pena a visita, até porque oferece vistas incríveis para os Alpes!

Foto: Sacra de São Miguel (Reprodução)

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s