Roteiro: Rio de Janeiro em 2 dias!

Roteiro: Rio de Janeiro em 2 dias por Una lucciola

E esse roteiro foge da temática italiana e da proposta de roteiros em dias ímpares e, na verdade, esse roteiro deveria se chamar: o que fazer em menos de 30 horas no Rio de Janeiro.

Daí, você pensa: quem é o imbecil que ficaria só isso no Rio?

Prazer, eu! rs

Pois é. Nunca estive na cidade maravilhosa e tenho um grande amigo que mora lá (beijos, Wallace! rs). Na verdade, a ideia do Rio nunca me atraiu: praia, calor de 40ºC e gente, muita gente! rs

Eu sempre achei que não gostasse de praia, mas então eu descobri que não gosto de praia somada a gente, rs – terceira vez que uso essa palavra em menos de duas frases. A ideia do combo calor do sol + calor humano nunca me atraiu muito, então o Rio sempre foi aquele passeio para depois.

Mas então veio a promoção da passagem aérea e um lema que estou tentando levar para a vida – “você pode se surpreender” – e ta-dah: olá, Rio! Fui no final de junho.

Sim, o Rio me surpreendeu! Vamos ao roteiro!

Dia 1: Cristo e o Jardim Botânico

MANHÃ

Meu voo chegou apenas às 11:00, mas caso você já esteja na cidade mais cedo que isso, fará as coisas com mais tranquilidade.

Eu comecei com uma visita ao Cristo Redentor.

Antes de chegar à cidade, compre online um ingresso para o Corcovado para evitar uma surpresa desagradável chamada fila. Eu já vi reportagens com uma fila enorme embaixo do sol escaldante do Rio: não deve ser agradável!

Prepare o bolso também: em alta temporada, o ingresso custa R$62,00; em baixa, R$51,00. Sábados, domingos e feriados são considerados de alta temporada. A baixa temporada é de março a junho e de agosto a novembro. Idosos pagam R$20,00, crianças de 6 a 11 anos, R$40,00, e os menos de 5 anos não pagam.

Os trens saem a cada 20 minutos. Se você comprar online, tem que efetuar a troca no guichê, então, é bom não chegar em cima da hora. Você também pode ir de van.

A subida com o trem demora uns 15 minutos e tem algumas paradas intermediárias (existem pessoas que moram na região e utilizam o trem também) e chegando no topo você pode ir de elevador + escada rolante ou a pé (uns 220 degraus).

A vista é incrível e o Cristo também. A capela embaixo do monumento estava fechada, pois está em reforma. Existem painéis interativos para você saber mais sobre a idealização e construção dele. Eu, por exemplo, não sabia que ele era revestido com pedra sabão de 3 cm, praticamente formando um mosaico.

Se quiser tirar fotos, o essencial é ter paciência. A ponta do mirante, que oferece a melhor visão, é muito concorrida. É muito legal observar a vista por lá e fui bem surpreendida por esse passeio.

TARDE

Depois de observar o Cristo (guarde seu ingresso, você precisa apresentá-lo para voltar), meu passeio foi o Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

Ele foi fundado em 1808 e fica na zona sul, com mais de 6500 espécies distribuídas em 54 hectares ao ar livre (algumas espécies em estufa). Além do jardim em si, o local abriga a maior biblioteca especializada em botânica e o maior herbário do país.

O local é grande e para quem gosta de estar em contato com o verde/a natureza é um ótimo passeio. Eu reservaria umas três horas para poder caminhar por tudo e ver as coisas calma.

Do Cristo, é possível ver com perfeição as famosas palmeiras que compõem os caminhos dentro do Jardim Botânico. Lembrando que foi um jardim feito na época do império! São vários os pontos de interesse: o chafariz das musas, a casa dos pilões, o orquidário, o bromeliário, a estufa com plantas insetívoras, o jardim sensorial, o jardim japonês, o roseiral.

O ingresso custa R$9,00 e funciona de terça a domingo, das 8:00 às 17:00 e às segundas, das 12:00 às 17:00. Pagamentos somente em dinheiro.

NOITE

Passei a única noite em Ipanema, mas o burburinho mesmo acontece é na Lapa, o bairro que oferece várias opções de bares, restaurantes e casas noturnas, e variações para todos os tipos de gosto.

Não conheci o bairro porque meu amigo acha muito perigoso, um lugar onde tudo pode acontecer. Então, caso você queira conhecer o bairro: todo cuidado é pouco ;)

Dia 2: Pão de Açúcar, Forte de Copacabana e a Orla

MANHÃ

Outro passeio que merece uma compra online antecipada é a subida para o Pão de Açúcar. Aqui você não agenda horário, mas tem prioridade na troca do ingresso no guichê. Prepare-se para outra facada: R$62,00. De 6 a 21 anos, mediante documento de identidade, paga-se meia, além de idosos e estudantes.

O primeiro bondinho sai às 8:10 da Praia Vermelha em direção ao Morro da Urca, o último sai às 20:00. A última viagem do Morro da Urca para a Praia Vermelha é às 21:00.

Os bondinhos saem a cada 20 minutos e têm capacidade para 65 pessoas. O ideal é ser um dos primeiros a entrar, assim você coloca no vidro e pode observar a paisagem, mas nem sempre isso é possível.

Recomendo começar por esse passeio porque as filas também não são agradáveis.

Lembrando que é possível fazer o Morro da Urca a pé, em trilha. Também é necessário manter o ingresso com você para ir até o Pão de Açúcar (segundo morro) e depois voltar os dois trajetos (do Pão de Açúcar ao Morro da Urca e deste para a Praia Vermelha).

Outra visita que me surpreendeu bastante. Minha dica: leve um lanche, água, um livro, chapéu e protetor solar. Deite em uma das cadeiras e esqueça da vida por algumas horas.

Ah, também dá para fazer passeio de helicóptero, começando a R$260,00 por pessoa.

TARDE/NOITE

O Forte de Copacabana está bem conservado e fica na ponta da praia. Dentro dele, existe o Museu Histórico do Exército, que conta a história do forte, mostra as salas, os equipamentos e da Revolta dos 18 do Forte de Copacabana (em 5 de julho de 1922).

Dentro do Forte existe a famosa e concorrida Confeitaria Colombo, onde você pode tomar café e ter como vista o mar da praia de Copacabana. Ele funciona de terça a domingo, das 10:00 às 20:00 e efetua reservas, menos aos sábados, domingos e feriados e nos meses de janeiro e julho.

Se você fizer questão, esteja preparado para fila. No domingo, a espera era de duas horas.

Minha sugestão: leve seu café da manhã, sente em um dos bancos disponíveis e usufrua da mesma vista. O outro café (Café 18 do Forte) também estava lotado. Ele também oferece reservas e funciona no mesmo horário.

A entrada para o forte é de apenas R$6,00. Estudantes e idosas pagam meia.

Minha recomendação é fechar seu dia com um passeio pela orla. Eu não consegui fazer, pois meu voo saía às 15:40.

… … … … …

Loucura, né?

Os dois dias foram muito corridos e bem cansativos, meus pés doíam muito, mas eu acho que deu para ter um gostinho inicial do Rio. Eu diria que o ideal talvez seja ficar uns 4 dias para poder conhecer tudo com calma.

Eu fui surpreendida pelo Rio e gostei demais de visitar a cidade em baixa temporada: pouca, pouquíssima gente e a praia de Copacabana praticamente vazia – SIM, vazia! E olha que domingo devia estar uns 30ºC.

Ah, em uma coisa não fui surpreendida: o serviço (atendimento ao cliente). Já tinha ouvido falar que era ruim e, de fato, é mesmo.

Recomendações

Infelizmente, o Rio tem uma malha metroviária péssima, então se você está sem carro ou você pega ônibus ou táxi. Eu não achei os locais perto, considerando que o Rio é bem menor que São Paulo.

Meu amigo recomendou e eu passo de volta: a zona sul é a melhor para ficar. Achei os bairros tranquilos e a oferta de táxi é ótima. Ele disse que isso já não acontece tanto nas outras zonas. Para quem for ficar na Barra, é praticamente outra cidade, bem distante do centro e ela não é interligada com o metrô (ainda).

Se for depender do ônibus, fique tranquilo. Os cariocas costumar ser solícitos, então é só pedir informação caso se perca.

Todo cuidado é pouco ao visitar o centro. Aos finais de semana, ele costuma ficar meio deserto porque os centros financeiros estão fechados. Redobre a atenção.

O melhor aeroporto para descer é o Santos Dumont, que fica dentro da cidade.

… … … … …

No mais, aproveite a Cidade Maravilhosa ;)

Foto: Rio de Janeiros por Una lucciola…

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s