Os Patrimônios da UNESCO

Um patrimônio mundial da UNESCO pode ser uma floresta, montanha, lago, ilha, deserto, monumento, prédio, complexo ou cidade que esteja listado pela UNESCO, tendo um significado cultural ou físico especial.

Esse programa cataloga e conserva lugares de grandes relevâncias cultural e natural na herança para a humanidade. Até 2002, 1002 lugares eram considerados patrimônios.

A Itália é o país que mais possui patrimônios mundiais. São 50 lugares, que se dividem entre belezas naturais e lugares de importância histórica, como os centros de algumas cidades. Em seguida, vem a China (47) e a Espanha (44).

Para que um lugar seja nomeado (para depois ser analisado e talvez eleito como patrimônio de fato), a UNESCO estabelece um conjunto de 10 critérios, sendo 6 critérios culturais e 4 naturais, entre eles:

  • Representar a genialidade humana;
  • Exibir uma troca importante de valores humanos por um período de tempo;
  • Ser associado com eventos de tradições viventes;
  • Ser um exemplo que represente os maiores estágios da história da Terra;
  • Conter áreas de beleza natural excepcional.

Esses são alguns critérios por cima. Na verdade, eles vão mais a fundo e para candidatar qualquer lugar, é preciso escrever um longo relatório apontando os critérios e justificando porque o local deveria ser patrimônio da humanidade e, logo, ser conservado.

Dos 50 patrimônios que a Itália detém, 46 são culturais e 4 são naturais. Ela ainda possui outros 40 lugares que estão na “lista de espera”, ou seja, foram enviados, mas ainda não foram (in)deferidos.

Clique no link abaixo para ver quais são os 50 patrimônios italianos por região.

  • Basilicata:
    • Os sassi e as igrejas rupestres de Matera (1993)
  • Calabria:
    • A festa Varia di Palmi (2013)
  • Campania:
    • Centro histórico de Napoli (1995)
    • Palácio de Caserta (1997)
    • Zonas arqueológicas de Pompei, Ercolano e Torre Annunziata (1997)
    • Costa amalfitana (1997)
    • Parque nacional de Cilento, Vallo di Diano e Alburni com os sítios arqueológicos de Paestum e Velia e a Certosa di San Lorenzo (1998)
    • Longobardi in Italia: o complexo de Santa Sofia (2011)
    • A festa dei Gigli (2013)
  • Emilia-Romagna:
    • A cidade de Ferrara e o delta do Pó (1995)
    • Os monumentos paleocristãos de Ravenna (1996)
    • A Catedral, torre cívica e a piazza Grande de Modena (1997)
  • Friuli-Venezia Giulia:
    • A zona arqueológica e a Basílica de Aquileia (1997)
    • As Dolomitas (2009)
    • Longobardi in Italia: a área de Gastaldaga (2011)
    • Os sítios pré-históricos em volta dos Alpes (2011)
  • Lazio:
    • O centro histórico de Roma e as propriedades extraterritoriais da Santa Sé na cidade e a Basílica de São Paulo Extramuros (1980)
    • Villa Adriana (1998)
    • Villa d’Este (2001)
    • As necrópoles etruscas de Cerveteri e Tarquinia (2004)
    • A Macchina di Santa Rosa em Viterbo (2013)
  • Liguria:
    • Porto Venere, Cinque Terre e as ilhas Palmaria, Tino e Tinetto (1997)
    • Genova (2006)
  • Lombardia:
    • As incisões rupestres da Val Camonica (1979)
    • A igreja e o convento de Santa Maria della Grazie com A Última Ceia de Leonardo da Vinci (1980)
    • Crespi d’Adda (1995)
    • Os Sacri Monti do Piemonte e da Lombardia (2003)
    • O monte San Giorgio (2003)
    • Mantova e Sabbioneta (2008)
    • A ferrovia entre Albula e Bernina (2008)
    • Os sítios pré-históricos em volta dos Alpes (2011)
    • Longobardi in Italia: a área de San Salvatore-Santa Giulia e as ruínas em Castelseprio (2011)
    • O violino artesanal tradicional de Cremona (2012)
  • Le Marche:
    • Centro histórico de Urbino (1998)
  • Piemonte:
    • Residência da casa real de Savoia (1997)
    • Os sítios pré-históricos em volta dos Alpes (2011)
    • As paisagens de vinicultura de Piemonte (2014)
  • Puglia:
    • Castel del Monte (1996)
    • Trulli de Alberobello (1996)
    • Longobardi in Italia: o santuário de San Michele Arcangelo (2011)
  • Sardegna:
    • Su Nuraxi de Barumini (1997)
    • Canto a tenore (2008)
    • A festa Faradda di li Candareri (2013)
  • Sicilia:
    • A vila romana de Casale (1997)
    • A área arqueológica de Agrigento (1997)
    • As ilhas Eolie (2000)
    • A cidade de Val di Noto (2002)
    • Siracusa e as necrópoles de Pantalica (2005)
    • O teatro dei Pupi siciliani (2008)
    • O Etna (2013)
    • A prática agrícola da comunidade de Pantelleria (2014)
  • Toscana:
    • Centro histórico de Firenze (1982)
    • Piazza dei Miracoli em Pisa (1987)
    • Centro histórico de San Gimignano (1990)
    • Centro histórico de Siena (1995)
    • Centro histórico de Pienza (1996)
    • Val d’Orcia (2004)
    • As vilas dos Medici e os jardins na Toscana (2013)
  • Trentino-Alto Adige:
    • As Dolomitas (2009)
    • Os sítios pré-históricos em volta dos Alpes (2011)
  • Umbria:
    • Assis, a Basílica de São Francisco e outros lugares franciscanos (2000)
    • Longobardi in Italia: a igreja de San Salvatore em Spoleto e o Tempietto de Clitunno (2011)
  • Veneto:
    • Venezia e a sua laguna (1987)
    • Vicenza e as vilas do Vêneto (1994)
    • Jardim botânico de Padova (1997)
    • Verona (2000)
    • As Dolomitas (2009)
    • Os sítios pré-históricos em volta dos Alpes (2011)

Lembrando que alguns lugares estão listados mais de uma vez porque se encontram em regiões diferentes.

Alguns patrimônios foram comentados no blog: Longobardi in Italia, Basilica di San Paolo Fuori Le Mura, Il Cenacolo, Crespi d’Adda, Etna, Assisi e Verona.

Três regiões italianas não possuem nenhum patrimônio da humanidade: Abruzzo, Molise e Valle d’Aosta.

O Brasil atualmente possui 19 patrimônios. Para saber mais, ver a lista completa e os critérios de seleção, visite o site oficial da UNESCO.

Foto: As Dolomitas (Reprodução)

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s