Ho Voglia di Te: filme

A continuação de Três Metros Acima do Céu, Ho Voglia di Te (sem título em português) de 2007, é dirigida por Luis Prieto e retoma a história de Step e Babi depois de dois anos.

Step passou uma temporada nos EUA para tentar esquecer a antiga namorada, Babi (Katy Saunders). Na sua primeira noite em solo italiano, conhece Gin.

Os dois começam a típica relação de amor e ódio e, no fim, acabam trabalhando juntos em um programa de TV – ele como assistente de produção e ela como assistente de palco.

Embora os dois comecem uma relação, Gin tem medo de Step ter uma recaída pela ex – que está para se casar.

O filme praticamente deu origem à história dos cadeados italianos e tem como trilha sonora uma das minhas músicas preferidas de Tiziano Ferro, Ti Scatterò Una Foto.

Confesso que achei menos pior que o primeiro, mas ainda assim bem juvenil (embora as cenas de sexo não o sejam… rs).

No fim, o que para muitas meninas pode ser um momento de “piração”, eu resumo como “aterrorizador”: Gin era praticamente uma “stalker” (perseguidora, sei lá) do Step há nada mais, nada menos que três anos. Eu disse três anos.

Agora, fala se você não teria medo disso? Eu teria… rs

Ah sim, tem muito menos motos, menos violência (o Step volta mais “tranquilo”) e sem narrativas sem sentido da Rádio Chaos, como no primeiro.

E diria mais: senhoras e senhores, temos a nossa Stephenie Meyer italiana. Histórias adolescentes sem nexo, piegas, previsíveis e ainda com elemento bizarro! #prontofalei

Foto: Cena do filme (Reprodução)

Anúncios

3 comentários sobre “Ho Voglia di Te: filme

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s